Chapadão do Sul, 25 de Junho de 2019

Cadastre-se Envie sua notícia JNT Digital Busca no site

Jovem Sul News

Você está em: Página Inicial Agronegocio

Poder de compra do recriador e invernista diminuiu em Mato Grosso do Sul

Poder de compra do recriador e invernista diminuiu em Mato Grosso do Sul

9:51 | 9 janeiro 2019
 

De janeiro de 2018 a janeiro de 2019, o poder de compra do recriador e invernista em Mato Grosso do Sul diminuiu na troca com bezerro, isso porque a arroba do boi gordo subiu menos do que as cotações desta categoria.

Em janeiro de 2018 compravam-se 2,01 bezerros de desmama anelorados de 6@ com a venda de um boi gordo com 16,5@. Atualmente, compra-se 1,92 bezerro, ou seja, houve uma piora no poder de compra do recriador e invernista de 4,8%.

Por outro lado, quando comparamos a relação de troca entre boi gordo e garrote, o cenário foi diferente. O poder de compra do recriador e invernista na troca com garrote melhorou 1,8% de janeiro de 2018 até aqui.

Atualmente com a venda de um boi gordo (16,5@), compra-se 1,47 garrote anelorado (7,5@).

Devido a atratividade da troca com o garrote, no curto prazo a tendência é de aumento na procura por esse animal no estado.

Vale lembrar que nesse período do ano, muitos recriadores e invernistas negociam essa categoria a fim de aproveitar a safra de capim e preparar os animais para o confinamento quando o período seco chegar.

Fonte: scotconsultoria

Postado em: 9:51 | 9 janeiro 2019
 

Contribuintes podem emitir carnê do IPTU diretamente no site da Prefeitura.

CLIQUE AQUI!

É permitida a reprodução ou divulgação, em outros órgãos de comunicação, de notícias ou artigos publicados nesta website, desde que expressamente citada a fonte, ficando aquele que desatender a esta determinação sujeito às sanções previstas na Lei nº 5.259/1967 (Lei de Imprensa) feed
Jovem Sul Comunicações LTDA | Rua Quinze, Nº 537 | Centro | CEP 79560-000 | Chapadão do Sul (MS)
(67) 3562-2500 (67) 9 9967-0034 | CNPJ 03.719.704/0001-07
Desenvolvido por: Mais Empresas | Angeli Comunicações