Chapadão do Sul, 28 de Maio de 2017

Cadastre-se Envie sua notícia JNT Digital Busca no site

Jovem Sul News

Você está em: Página Inicial Agronegocio

Fundação Chapadão homenageia o Dr. José Tadashi Yorinori com nome do laboratório

Fundação Chapadão homenageia o Dr. José Tadashi Yorinori com nome do laboratório

11:50 | 22 novembro 2016
 
Descerramento da fita

Descerramento da fita

Na manhã desta terça-feira, 22 de novembro, o Diretor da Fundação Chapadão reuniu associados, a diretoria, os colaboradores e os estagiários para apresentação do Laboratório de Diagnose de Doenças, Insetos, Plantas, Nematoides, Patologia e Germinação de Sementes.

A Fundação Chapadão decidiu homenagear uma das maiores autoridades da cultura da soja, especialista em doenças nas lavouras da cultura, o pesquisador aposentado da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) o Dr. José Tadashi Yorinori, grande colaborador da Fundação Chapadão, falecido em 13 de junho deste ano. Ele sofreu um acidente doméstico e não resistiu aos ferimentos.

Laboratório conta com estrutura para realizar milhares de análise por ano

Laboratório conta com estrutura para realizar milhares de análise por ano

Os ex-presidentes da Fundação Chapadão, Edson Borges e um representante da Bayer descerraram a fita na entrada do laboratório, onde todos os presentes puderam conhecer a excelente estrutura do local.

Edson disse que foi montada uma linha de produção, com capacidade para realizar e catalogar milhares de análises por ano, sob o comando da Engenheira Agrônoma Mestre Alexandra Botelho de Lima Abreu. Além dela, trabalham no local, o Eng. Agr. Dr. Germison Vital Tonquelski, o Eng. Agr. Me. Edson Pereira Borges, o Eng. Agr. Me. Alfredo Ricieri Dias e a Bióloga Ma. Débora Cristina Agnes.

Na oportunidade, Edson Borges mostrou os dados estatísticos da evolução dos nematoides nas lavouras da região, levantada pelo laboratório e recomendou que os produtores procurem levar amostras para o diagnose, importante para o monitoramento das lavouras e tomadas de decisões para o controle das doenças e pragas.

Outra preocupação é em relação à ferrugem asiática. Como choveu em agosto e setembro, neste ano, a tendência é que a doença chegue mais sedo, como historicamente tem ocorrido. Já se tem notícias de focos em São Paulo e no Paraná.

O diretor Edson Borges e o Presidente Adriano Loeff voltaram a agradecer as empresas parceiras, os colaboradores, os estagiários e a imprensa local pelo trabalho comprometido e eficiente para a evolução da Fundação Chapadão. “Hoje temos estruturas, ambiente e laboratório, de entidade privada, a serviço da agropecuária, como poucos no mundo”, concluiu Edson.

Fonte: Jovemsulnews (Norbertino Angeli)

Postado em: 11:50 | 22 novembro 2016
 
É permitida a reprodução ou divulgação, em outros órgãos de comunicação, de notícias ou artigos publicados nesta website, desde que expressamente citada a fonte, ficando aquele que desatender a esta determinação sujeito às sanções previstas na Lei nº 5.259/1967 (Lei de Imprensa) feed
Jovem Sul Comunicações LTDA | Rua Quinze, Nº 537 | Centro | CEP 79560-000 | Chapadão do Sul (MS)
(67) 3562-2500 (67) 9967-0034 | CNPJ 03.719.704/0001-07
Desenvolvido por: Mais Empresas | Angeli Comunicações