Chapadão do Sul, 18 de Dezembro de 2018

Cadastre-se Envie sua notícia JNT Digital Busca no site

Jovem Sul News

Você está em: Página Inicial Agronegocio

Exportações de MS batem recorde histórico e chegam a 5,3 bilhões de dólares

Exportações de MS batem recorde histórico e chegam a 5,3 bilhões de dólares

15:15 | 5 dezembro 2018
 

As exportações de Mato Grosso do Sul no acumulado de janeiro a novembro deste ano atingiram 5,336 bilhões de dólares, melhor resultado de toda a série histórica no Estado. O valor recorde supera o desempenho obtido em 2013, quando foram registrados 5,2 bilhões de dólares nas exportações de janeiro a dezembro daquele ano. Os dados estão na Carta de Conjuntura do Setor Externo do mês de novembro de 2018, elaborada pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar).  

O superávit na balança comercial – que é a diferença entre as exportações e importações do Estado – foi de 2,786 bilhões de dólares no acumulado de janeiro a novembro de 2018, cerca de 28% superior ao verificado no mesmo período de 2017. “Esse bom resultado deve-se a um melhor desempenho dos principais produtos de exportações como a soja (crescimento de 37,08%) e a celulose (crescimento de 66,06%). O algodão disparou 40% neste ano, por isso também surge com destaque na pauta, resultado da safra com recorde produtividade neste ano”, comentou o secretário Jaime Verruck, da Semagro.

De acordo com os dados do setor externo, a soja e a celulose atualmente representam cerca de 67% do total exportado em Mato Grosso do Sul, concentração superior à registrada no mesmo período de 2017, quando não ultrapassava 50%. “O mesmo está mesmo ocorrendo em relação ao destino das exportações, que chegaram a 48,67% despachados para a China, enquanto em 2017 eram 35%. Isso demonstra a importância do mercado chinês para o Estado, assim como a Argentina, que é o nosso segundo maior destino de exportações”, acrescentou o titular da Semagro.

Com relação às importações, houve um aumento de cerca de 9,93% de janeiro a novembro de 2018, na comparação com o mesmo período em 2017. Esse aumento deve-se sobretudo a maior importação de Petróleo, gás natural e serviços de apoio. Já o município sul-mato-grossense com melhor desempenho concentrando 50,94% das exportações foi Três Lagoas, principalmente por conta da celulose que representa 94,65%.

Fonte: semagro

Postado em: 15:15 | 5 dezembro 2018
 
É permitida a reprodução ou divulgação, em outros órgãos de comunicação, de notícias ou artigos publicados nesta website, desde que expressamente citada a fonte, ficando aquele que desatender a esta determinação sujeito às sanções previstas na Lei nº 5.259/1967 (Lei de Imprensa) feed
Jovem Sul Comunicações LTDA | Rua Quinze, Nº 537 | Centro | CEP 79560-000 | Chapadão do Sul (MS)
(67) 3562-2500 (67) 9 9967-0034 | CNPJ 03.719.704/0001-07
Desenvolvido por: Mais Empresas | Angeli Comunicações